DECRETOS 2022

Minha geografia é território da promessa!

JANEIRO

Se Meu povo fosse atento às Minhas palavras, se Meus filhos obedecessem Meus estatutos, por certo, não enfrentariam vergonha nem seriam constrangidos nos caminhos que trilham. Farei uma obra nova e restituirei a sorte dos fiéis; quanto aos ímpios, serão severamente abatidos.


“E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis. E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida. Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho. Mas, quanto aos covardes, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.” (Apocalipse 21:5-8)

 

FEVEREIRO

Não falei uma vez, outra vez não disse Eu que aqueles que andam em retidão viverão dupla honra, pois a vergonha seria removida e Eu os assistiria no tempo da adversidade?


“Porém vós sereis chamados sacerdotes do Senhor, e vos chamarão ministros de nosso Deus; comereis a riqueza dos gentios, e na sua glória vos gloriareis. Em lugar da vossa vergonha tereis dupla honra; e em lugar da afronta exultareis na vossa parte; por isso na sua terra possuirão o dobro, e terão perpétua alegria.” (Isaías 61:6,7)

 

MARÇO

Os perversos se levantaram, com astúcia se insurgiram contra Mim, intentam fazer coisas que aborrecem Meu Santo Nome, se levantam contra Minha Palavra, mas Eu os abaterei e mostrarei Meu braço forte contra a falsa justiça.


“Escutarei o que Deus, o Senhor, falar; porque falará de paz ao seu povo, e aos santos, para que não voltem à loucura. Certamente que a salvação está perto daqueles que o temem, para que a glória habite na nossa terra. A misericórdia e a verdade se encontraram; a justiça e a paz se beijaram. A verdade brotará da terra, e a justiça olhará desde os céus. Também o Senhor dará o que é bom, e a nossa terra dará o seu fruto. A justiça irá adiante dele, e nos porá no caminho das suas pisadas.”  (Salmos 85:8-13)

 

ABRIL

Ah, se Meu Nome fosse honrado, se os corações voltassem para Mim. Por certo, os restituiria e lhes daria uma bênção que iria adiante deles. Um milagre farei, pela Minha misericórdia, e deixarei uma marca na casa do justo.


“Portanto, diz o Senhor Deus de Israel: Na verdade tinha falado eu que a tua casa e a casa de teu pai andariam diante de mim perpetuamente; porém agora diz o SENHOR: Longe de mim tal coisa, porque aos que me honram honrarei, porém os que me desprezam serão desprezados.” (I Samuel 2:30)

 

MAIO

Soprei um vento novo, soprei do Meu Espírito. O hálito de salvação está vindo como nuvem, e como chuva de provisão a Minha prosperidade, para ministrar livramento aos Meus filhos e começar a história nova nos territórios dos santos. O ímpio não tem parte Comigo, mas os Meus herdeiros não serão decepcionados. Soprei o Meu hálito como brisa suave, como renovo de vida.


“E, havendo dito isto, assoprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo. Àqueles a quem perdoardes os pecados lhes são perdoados; e àqueles a quem os retiverdes lhes são retidos.” (João 20:22,23)

 

JUNHO

Estabelecerei Meu juízo e não deixarei o ímpio reinar sobre o justo. Farei a obra de redenção. Não temam! Eu estou no controle e Minha boa mão está conduzindo o tempo para mostrar Meus prodígios diante dos Meus servos. Não temam!


“Atendei-me, povo meu, e nação minha, inclinai os ouvidos para mim; porque de mim sairá a lei, e o meu juízo farei repousar para a luz dos povos. Perto está a minha justiça, vem saindo a minha salvação, e os meus braços julgarão os povos; as ilhas me aguardarão, e no meu braço esperarão.” (Isaías 51:4)

 

JULHO

Eu não mudo o que falo. Eu não Sou o que os homens pensam. Sou o Senhor! Eu estabeleço o antes e o depois. Sou o Senhor de coisas novas e estou moldando a Nação nos Meus preceitos e devolvendo o Meu povo aos Meus princípios. Não temam! Eu, o Senhor, assim o disse.


“E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele. E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência. Porque foi do agrado do Pai que toda a plenitude nele habitasse.” (Colossenses 1:17-19)

 

AGOSTO

Olhem, observem e obedeçam, pois estou vindicando Meu direito e convocando Meu povo à santidade. Não omitam Meu Nome nem neguem Minha Palavra. Como lhes prometi, mudarei a sorte do Meu povo e lhes darei dias de tranquilidade.


“Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade; Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, que quer que todos os homens sejam salvos, e venham ao conhecimento da verdade. Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.” (I Timóteo 2:1-6)

 

SETEMBRO

Atentos fiquem, dobrem a atenção! O conselho do ímpio se levantou para afrontar Meu Nome e denegrir Minha Palavra. Usarei Meus Profetas para trazerem a vida no território e ministrarem ânimo aos Meus filhos. Creiam! Fiquem atentos! Darei livramento, se a Palavra não se ausentar dos lábios dos Meus ungidos e a verdade for preservada no Meu santo lugar.


“Vindicarei a santidade do meu grande nome, que foi profanado entre as nações, o qual profanastes no meio delas; as nações saberão que eu sou o SENHOR, diz o SENHOR Deus, quando eu vindicar a minha santidade perante elas.” (Ezequiel 36:23)

 

OUTUBRO

Não se abatam, lutem. Não questionem, reajam. Não murmurem, proclamem. A ação dos Meus filhos muda a realidade dos territórios e a vida íntegra dos Meus servos determinará o bem na geografia onde estão instalados. Não arrefeçam, não murmurem, proclamem!


“Quando os ímpios se multiplicam, multiplicam-se as transgressões, mas os justos verão a sua queda. Castiga o teu filho, e te dará descanso; e dará delícias à tua alma. Não havendo profecia, o povo perece; porém o que guarda a lei, esse é bem-aventurado. O servo não se emendará com palavras, porque, ainda que entenda, todavia não atenderá.” (Provérbios 29:16-19)

 

NOVEMBRO

Meus filhos, Meus ungidos, não é uma guerra, é uma prova. Fiquem atentos! Não desviem os olhos de Mim. Eu amo esta Nação e tenho apreço pelo Meu povo. Não os desampararei, lhes mostrarei Meu livramento, um escape virá das minhas mãos. Todos, de perto e de longe, dirão: “Só a boa mão do Senhor poderia fazer tal coisa”.


“Para que todos vejam, e saibam, e considerem, e juntamente entendam que a mão do Senhor fez isto, e o Santo de Israel o criou. Apresentai a vossa demanda, diz o Senhor; trazei as vossas firmes razões, diz o Rei de Jacó. Tragam e anunciem-nos as coisas que hão de acontecer; anunciai-nos as coisas passadas, para que atentemos para elas, e saibamos o fim delas; ou fazei-nos ouvir as coisas futuras.” (Isaías 41:20-22)

 

DEZEMBRO

Assim como soprei hálito novo, como o Hermom não deixa de liberar sua brisa da colheita, lhes darei ainda colheitas surpreendentes e farei milagres extraordinários. Todos verão que não os abandonei nem deixei o opróbrio no território dos santos. Lhes darei prosperidade extensa, saberão que sou Eu quem supro os Meus filhos.


“Eu irei adiante de ti, e endireitarei os caminhos tortuosos; quebrarei as portas de bronze, e despedaçarei os ferrolhos de ferro. Dar-te-ei os tesouros escondidos, e as riquezas encobertas, para que saibas que eu sou o Senhor, o Deus de Israel, que te chama pelo teu nome.” (Isaías 45:2,3)

 

MINHA GEOGRAFIA É TERRITÓRIO DA PROMESSA!

“Pede-me, e eu te darei as nações por herança, e os fins da terra por tua possessão.“ (Salmos 2:8)

 

Definir uma geografia é fácil. Conquistá-la, eis a questão. Este ano, teremos muitas conquistas apontadas, cada uma delas trazendo a demanda do desafio e, por certo, muitas estarão agregadas na nossa nova estrada de avanço do Reino. Mas qual a geografia que faz parte do seu pilar de valores? Muitos vão dizer: “FAMÍLIA!”. Essa é uma verdade? Então, por que não avançar como meta principal e conquistar esse território para o Senhor? O maior espaço para se conquistar uma família não é externo, é na sede mais nobre que existe, no coração do homem. Os traumas e demandas familiares impedem que acessos velozes venham nesse território tão nobre. Muitos até dirão: “Mas minha família já é do Senhor!”, e é verdade, mas algumas áreas não estão conforme à promessa que o Senhor fez. Pedir nações parece até uma afirmação do discurso, mas conquistar uma família, a tarefa muda de perspectiva. Nossa família é um território que não pode ser menosprezado, pois quanto mais tempo passa, fica difícil fazer a conquista certeira. “Mas, se alguém não tem cuidado dos seus, e principalmente dos da sua família, negou a fé, e é pior do que o infiel.” (I Timóteo 5:8)

Que território poderoso é a família! Então, vemos: Minha Geografia é Território da Promessa. Vamos definir geografia? É um lugar específico, ocupado por alguém ou alguma coisa, que tem um dono que se tornou autoridade sobre esse território. E agora? Todo território está ocupado por alguém, ou por alguma coisa. Quem explica isso? “E, quando o espírito imundo tem saído do homem, anda por lugares áridos, buscando repouso, e não o encontra. Então diz: Voltarei para a minha casa, de onde saí. E, voltando, acha-a desocupada, varrida e adornada. Então vai, e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele e, entrando, habitam ali; e são os últimos atos desse homem piores do que os primeiros. Assim acontecerá também a esta geração má.” (Mateus 12:43-45). Não subestime os territórios, eles estão ocupados de forma física, emocional ou espiritual.

 

Minha família é um território sagrado

Todos precisam olhar para a família como uma bênção da parte de Deus, pois tudo na vida tem crise, mas, no final, é a família que está perto. A família tem sido colocada por Deus como nossa maior e prioritária conquista. Não estamos falando do território do vizinho, do amigo, do colega de trabalho, até mesmo dos “discípulos”, estamos falando do nosso território biológico que tem peso no mundo espiritual. Você sabia que a família é uma nação? Sua família tem uma bandeira, e sua história tem uma relevância, por isso precisamos respeitar nossa origem. Nossa casa precisa servir ao Senhor, não com o nosso entendimento, mas com o princípio regendo esse território. “Se, porém, não agrada a vocês servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas eu e a minha família servi­remos ao Senhor.” (Josué 24:15)

O que está em jogo aqui? Uma geografia relevante: Minha Geografia é Território da Promessa. Eu cresci em uma geografia familiar onde cada um fez sua escolha, mas a realidade da família foi exposta para todos. Uma mesa fala tudo, uma mesa doutrina todos. Nossa responsabilidade com a família é na proporção da chamada que possuímos, mas mesmo que seja uma chamada pequena, nossa responsabilidade com a família é GRANDE. Você pode conquistar muitos territórios, mas esse é o da promessa, se você conquistar todos os outros territórios, e perder a sua casa, sinto muito, você não conheceu o êxito.

“Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, do qual toda a família nos céus e na terra toma o nome, para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais fortalecidos com poder pelo seu Espírito no homem interior.” (Efésios 3:14-16)

Ap. Rene Terra Nova

 

 

Compartilhe em suas redes sociais

Endereço

Rua Adelelmo Setti, 10 - Centro, São Bernardo do Campo - SP, 09720-000

Siga-nos

Código do aplicativo

IBNA12OFICIAL
© IGREJA BATISTA DA NOVA ALIANÇA ® 2022. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.